10 de setembro de 2019

LIVRO: LÁGRIMAS DE AMOR E CAFÉ - BABI A. SETTE


Fragilizada pela morte da mãe e a miséria na Itália, Angelina aceita a proposta de um estrangeiro rico que oferece não só casamento, mas também conforto para seu pai e sua irmã caçula.

Decidida a ajudar a família, ela embarca para um país distante tendo como companhia somente a escrita e os romances que ama, já que durante a viagem o marido se revela muito diferente do príncipe que sonhou um dia conhecer. Vincenzo também tem o Brasil como destino e, por uma traição, vê seus sonhos roubados logo que desembarca no novo país. E é na fazenda de um barão do café, onde Angelina é senhora e também vítima do marido cruel, que Vincenzo acaba achando trabalho.

Em meio a encontros e conversas nasce entre ambos uma amizade verdadeira e uma paixão secreta que pode colocar em risco não apenas a vida deles, mas também a segurança de outras pessoas. Vincenzo e Angelina teriam coragem o bastante para esquecer as proibições, passar por cima dos perigos e viver esse grande amor?


SOBRE O LIVRO:

Comecei a ler a história e fui devorando, até chegar ao dia do baile. Daí pra frente a coisa enroscou e foi daí pra frente a nota 5 virou 3. Peguei uma implicância terrível pela empregada da fazenda e fiquei decepcionada pelo final do barão. Eu esperava saber mais sobre ele, sobre o que ele fazia nas longas viagens e entender porque ele era tão cruel. A sensação que tive é que ele não passava de uma marionete na mão da empregada, pois foi essa a impressão que ela passou nas suas últimas aparições.

De todos os livros que li da autora, esse foi o que menos me impressionou. Nos outros realmente confesso que ao final deles eu encarei uma verdadeira ressaca e que fiquei com gosto de quero mais, mas achei que nesse livro faltou alguma coisa. Mesmo os personagens principais não me fizeram apaixonar por eles como me apaixonei por outros personagens dela.

A escrita da Babi A. Sette continua impecável, sem erros, objetivo e clean, o que faz com que a leitura flua melhor, mas estranhei bastante a história comparando com as outras lidas. Já vi outras pessoas comentando muito bem sobre o livro e talvez essa seja apenas minha impressão.

A capa ficou linda, a diagramação perfeita. No início dos capítulos há uma homenagem onde aparecem sobrenomes de origem italiana, mas são apenas mimos, pois não interferem nada na história.

Quando comprei o livro, ele veio muito bem embalado e com um cartão postal e um marcador de página e eu acredito que este seja um detalhe da autora e da editora, já que na maioria das vezes os livros da Saraiva não são entregues desta forma.

Boa leitura!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA PUBLICAÇÃO!