28 de julho de 2015

DUOLOGIA - CAIO & NORAH - PERFEITA PRA MIM - #02 - HALICE FRS

PERFEITA PRA MIM - HALICE FRS

Bonito, profissional estabelecido, instrutor de violão nas horas vagas, um dos destaques de seu grupo. Aos 25 anos, Caio Ressali conseguia quantas garotas ele quisesse ter. Invariavelmente as abatia ao conquistá-las nas baladas ou na praia, sem nunca se apaixonar. Por mais que tentasse, jamais aconteceria, pois seu coração abrigava um amor inabalável; nascido há dez anos. 

Ao conhecer Norah Mendes, ainda na adolescência, Caio a considerou dona de todas as qualidades que admirava no sexo oposto e sua impressão não mudou com o passar do tempo. Por uma graça do destino, Norah contava com 17 anos a mais e via nele somente o sobrinho emprestado, o amigo dos filhos. No entanto, Caio não perdeu a esperança de conquistá-la e bastou perceber que Norah tinha deixado o luto para mostrar a ela que não era um menino. E que sempre a considerou perfeita. 
Torne a se apaixonar... 

N/A: Perfeita pra Mim é um romance contemporâneo contém tema adulto.



NOTA SOBRE O LIVRO: 



Para mim, mais uma vez, falar sobre um livro da Halice FRS é um prazer. Sou suspeita para fazer qualquer tipo de apresentação, afinal de contas, acabamos nos tornando mais do que leitora x autora, nos tornamos amigas e isso não tem preço. 

Características da autora: 1) A Halice FRS não é uma autora de romance erótico, ou seja, seus livros não possuem histórias baseadas em sexo, ao contrário, o sexo é sempre uma consequência na história de cada casal e as cenas são sempre sensuais. Se você não é fã de histórias "hots", então você vai se esbaldar com as obras dela. Para quem é fã do gênero erótico, então certamente ficará babando pelas cenas bem criadas e por toda sensualidade 2) A autora também possui uma característica muito elegante (como diz a Vivi P. Pena) para escrever. Seu vocabulário é requintado e sofisticado. Algumas pessoas que não estão habituadas acabam estranhando a qualidade do vocabulário. Eu gosto e digo que aprendo muito com ela, afinal, a língua portuguesa é uma das mais difíceis de praticar.

Caio é aquele tipo de personagem que de início, pelo menos na versão de Norah, a gente acaba não levando muito a sério e pensando que ele é só mais um garoto que idealiza na mulher mais velha a mulher perfeita. O problema é que quando você começa a se envolver com a história, você começa a notar que mesmo muito jovem, praticamente um adolescente, Caio já era muito maduro e certo do que queria. Algo que poderíamos julgar como "impossível" ou "bizarro" acabou acontecendo e Caio  se apaixonou por Norah quando ele tinha apenas 14 anos. Ela era tudo de impossível em sua vida. Casada, apaixonada e mãe do seu melhor amigo. No entanto, Norah era mulher e era linda, seu cheiro era embriagador e ele se apaixonou... Os anos passaram, muita coisa aconteceu e Caio agora, aos 25 anos, estava de volta ao convívio dos amigos e de Norah!

Reforçando: No livro "Proibido pra mim" temos a versão da Norah sobre como tudo aconteceu em sua vida, o marido, os filhos e a paixão que nasceu por Caio. Agora, em "Perfeita pra mim" temos a versão do Caio sobre como foi sua vida desde que ele colocou os olhos em Norah pela primeira vez. O detalhe interessante é que ao ler as duas versões, você tem a sensação de que são realmente pontos de vista bem distintos e a leitura não se torna cansativa. Eu acredito que essa dinâmica se dê porque a autora foi muito consciente ao escrever a segunda história e atender ao pedido de seus leitores. De início não havia essa intenção de escrever o segundo livro, mas cada um que lia sempre pedia a versão dele. A versão de Caio foi mesmo muito bem construída e esclarecedora, além de apaixonante.

Aquela impressão de segurança que Caio passava na versão de Norah faz com que a gente perceba agora que não era bem assim que a banda tocava. Ele estava tão assustado e tão amedrontado quanto ela, porém, o diferencial, é que ele sabia o que sentia e o quanto ela mexia com ele. Todas as garotas com quem ele ficou na verdade eram apenas válvulas de escape no meio de tantos hormônios e tanta necessidade de tentar fugir do que ele sentia, mas por outro lado, ele nunca deu esperanças para nenhuma delas, porque lá no fundo de seus sentimentos, Norah era a única mulher com quem ele queria ficar. Todas elas agora se tornaram parte do passado e nem de longe Caio pensava em abandonar aquele sentimento todo e desistir de lutar pelo amor da mulher que ele amava de corpo e alma.

O que fazer quando o rapaz de apenas 25 anos de idade se apaixona pela mulher 17 anos mais velha do que ele e que ainda por cima é a mãe do seu melhor amigo? O que fazer quando essa mesma mulher o via - até então - apenas como um sobrinho "emprestado"? Era assim que todos os amigos do filho a chamavam - de "tia Norah". O que fazer quando o próprio filho poderia ser um grande problema? Essas e outras perguntas fazem parte do enredo desta história. Neste livro nós teremos muito mais do que apenas um romance entre uma mulher mais velha e um homem mais novo, nós veremos toda a problemática da situação, afinal, por mais que se diga que "isso é normal", a grande realidade é que sempre houve e sempre haverá um grande preconceito, não só pelas pessoas de fora, mas como pelos próprios envolvidos. O medo de ser alvo de chacota, o medo de fazer papel ridículo. A autora soube conduzir a situação da forma mais madura e esclarecida possível. Ela criou personagens perfeitos e que se completam!
"- Eu já disse, mas vou ser mais claro... Eu tenho um tesão fodido em você, Norah. E isso há muito tempo. Há uns dez anos pra ser mais exato. E não sou menino."
Caio deu seu recado... direto, objetivo, decidido, certeiro. Caio não era mais um menino há muito tempo e, eu, particularmente, duvido que algum dia ele tenha sido apenas um "menino". Caráter, postura e maturidade não estão na idade, nos números e sim, na personalidade de cada pessoa. Isso serve para homens e mulheres.
"- Eu não me importo. Sabe disso. Nunca, ninguém, agrada todo mundo Norah. Sempre o cara é velho demais, ou a mulher é velha demais. Ou ele é feio demais para ela, ou vice e versa. Ou o negão destoa da loirinha ou a gordinha não combina com o bombado. Se todos fossem se importar com as críticas, quase não existiriam casais. Não dá pra ser perfeito sempre."
Caio realmente era uma criatura fora de série. Ele sabia usar os argumentos certos na hora certa sem que nada fosse programado ou calculado. As coisas foram acontecendo e se desenrolando até que finalmente Norah se entregou ao imenso desejo que sentia por Caio e juntos, pela primeira vez, o prazer foi insano!
"- Sei que não gosta de palavrões, mas... Puta merda!... O que foi isso? Minha cabeça nunca foi capaz de recriar o que você é de verdade."
O que eu mais gostei do ponto de vista dele, é que ele demonstra o quanto aquele amor era verdadeiro, era sincero e era enlouquecedor. Ele mostra o quanto ele sofreu ao longo dos anos até conquistar aquela mulher. Além disso, ele também demonstra o quanto ele se preocupava com ela e também com os filhos, principalmente Cássio, que era o seu melhor amigo. Ele temia pelas confusões que Cássio poderia se meter ao querer levantar aquela história do pai. Bom, não posso falar mais do que isso, pois pra saber você precisará ler as duas versões da história.

E nada como viver um amor... gostoso, apaixonado e que renova nossas energias. Norah se tornou outra pessoa depois que assumiu para si o quanto estava apaixonada por Caio. Estava vivendo o que nunca tinha vivido, nem mesmo com seu ex-marido. Caio também não deixava de dizer e demonstrar o tempo todo o quanto Norah era especial e importante em sua vida. O "x" da questão, o fato principal para assumir aquele relacionamento era Cássio, o filho de Norah. Seu comportamento dava todos os indícios de que ele jamais aceitaria que sua mãe se envolvesse com quem quer que fosse. Sabemos qual foi seu comportamento na visão de Norah, mas e agora, como foi com Caio? Não perca essas emoções! do ponto de vista de Caio você também terá um novo parâmetro.

Consideração final: Eu tive que me controlar de forma sobre-humana para não contar as partes principais dessa história, as conversas, as situações e as sensações... uma história completa que faz a gente surtar, se apaixonar e vibrar...

Eu estava super ansiosa pelo lançamento desde livro e finalmente consegui matar a minha insana curiosidade. Com certeza essa história faz parte da minha lista "TOP" e, mais uma vez, nota dez para a Halice, então, lembre-se que, este ebook está disponível aqui, no site da Amazon. Não se esqueça também que, o livro número 01 está disponível tanto em ebook, aqui também, no site da Amazon e na versão impressa, diretamente através do email da autora.

Se eu tivesse que resumir essa história em uma única palavra eu diria que esta palavra seria "DETERMINAÇÃO", pois foi assim que vi Caio desde o início. Um homem apaixonado e determinado!


1 comentários:

Halice F.R.S. disse...

É sempre muito bom e gratificante ver os personagens por outros olhos e saber que consegui apresentá-los como são. Simplesmente amei suas palavras, Fernanda. Muito obrigada! :3

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA PUBLICAÇÃO!