6 de agosto de 2016

SÉRIE OS BRIDGERTONS - UM BEIJO INESQUECÍVEL - #07 - JULIA QUINN

UM BEIJO INESQUECÍVEL - SÉRIE OS BRIDGERTONS - LIVRO 07 - JULIA QUINN

Toda a alta sociedade concorda que não existe ninguém parecido com Hyacinth Bridgerton. Cruelmente inteligente e inesperadamente franca, ela já está em sua quarta temporada na vida social da elite, mas não consegue se impressionar com nenhum pretendente. 

Num recital, Hyacinth conhece o belo e atraente Gareth St. Clair, neto de sua amiga Lady Danbury. Para sua surpresa, apesar da fama de libertino, ele é capaz de manter uma conversa adequada com ela e, às vezes, até deixá-la sem fala e com um frio na barriga.

Porém Hyacinth resiste à sedução do famoso conquistador. Para ela, cada palavra pronunciada por Gareth é um desafio que deve ser respondido à altura. Por isso, quando ele aparece na casa de Lady Danbury com um misterioso diário da avó italiana, ela resolve traduzir o texto, que pode conter segredos decisivos para o futuro dele.

Nessa tarefa, primeiro os dois se veem debatendo traduções, depois trocando confidências, até, por fim, quebrarem as regras sociais. E, ao passar o tempo juntos, eles vão descobrir que as respostas que buscam se encontram um no outro... e que não há nada de tão simples e de tão complicado quanto um beijo.


NOTA SOBRE O LIVRO:

Um beijo inesquecível é o sétimo (penúltimo) livro da série da família Bridgerton. De forma resumida, tudo o que é dito na sinopse é a mais pura verdade e qualquer coisa que seja dito além revelará toda a história.

Novamente a autora Julia Quinn correspondeu as expectativas de ansiedade e pressa por essa leitura, mas eu acho que ela pecou um pouco sim. A história é legal, a leitura flui bem, não há grandes e muitos momentos de conflitos e torturas, mas a forma exata como terminou a história não me agradou muito. Eu esperava outro tipo de finalização.

Hyacinth conseguiu me conquistar em seu momento, pois em suas aparições nas demais histórias eu não conseguia sentir apreço por ela talvez porque naquela "época" ela ainda fosse muito criança. Ela é a oitava filha de Violet, que continua dando um show de maternidade e inteligência.

Das características de Hyacinth fica claro que ela é a mais audaciosa e mais corajosa das mulheres desta família. Talvez pela infância que tenha tido, ela se tornou muito mais forte e muito mais inteligente. Não é uma garotinha "afetada" e cheia de "mimimi" graças à Deus e até bem moderninha para "sua época".

Gareth tem sua fama de conquistador, libertino e de jamais se envolver com uma dama com a qual poderia vir a se casar. Neto de Lady Danbury (aquela senhorinha desaforada que todos nós desconfiamos que poderia ser a tal da colunista fofoqueira) tem uma relação conturbada com o pai, o barão. Os dois vivem em pé de guerra.

O destino acaba unindo mais Gareth e Hyacinth quando ele recebe o diário de sua avó paterna (a mãe do barão, já falecida) pelas mãos de sua cunhada, pois o bendito diário está todo em italiano e Gareth não faz a menor ideia do que esteja escrito ali. Sua alternativa é contar com a tradução de Hyacinth. Neste diário tem duas coisas que a garota vai descobrir e que estão relacionadas ao futuro de Gareth.

Na minha opinião o livro leva 4 estrelas só porque o desfecho final não foi como eu queria...kkkk


ONDE COMPRAR O LIVRO:

Submarino, clique aqui - R$ 34,90 em 06/08/2016

Americanas, clique aqui - R$ 26,87 em 06/08/2016

Ponto Frio, clique aqui - R$ 29,67 em 06/08/2016

Saraiva (impresso), clique aqui - R$ 26,20 em 07/08/2016
Saraiva (digital), clique aqui - R$ 19,99 em 07/08/2016


Dica: abra sempre todos os links aqui fornecidos, pois os preços podem sofrer reajuste e assim você consegue comprar os preços. 

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA PUBLICAÇÃO!