26 de dezembro de 2015

LIVRO - FLOR DE LÓTUS - BIA BRAZ


FLOR DE LÓTUS - BIA BRAZ

Rebecca Anne Stevens cresceu rodeada de maldade, drogas e prostituição. Emergiu íntegra em meio à lama que viveu e construiu uma nova vida em que se dedica a resgatar e encaminhar viciados em drogas à recuperação. 

Christopher é amargo, austero, solitário. Sofre de insônia e tem pesadelos constantes desde o dia em que perdeu duas pessoas: a mãe, num afogamento, e Christine, para as drogas. Um mistério envolve e interliga os dois acontecimentos. Não há provas ou testemunhas que os expliquem. Desde esse dia, Christopher dedica-se a perseguir narcotraficantes. 



Por obra do destino ou por equívoco, sucede-se o encontro inusitado de Christopher e Rebecca. Com rara energia e densa generosidade, Beckye (Rebecca) entra no mundo de Christopher acreditando que ele é um viciado. O interesse pessoal induz Christopher a aproveitar-se da situação e permitir que Beckye acredite no engano. 

Desencadeia-se entre os dois uma atração proibida pela ética e pela lei. A contagiante e bela garota transforma subitamente o mundo cinza e pragmático dele. Apesar de sua resistência e autorrecriminação, Christopher se vê enredado neste romance intenso, polêmico e arrebatador. 

Flor de Lótus explora, com sensualidade, a vida colorida e cheia de paixão de Beckye em contraste com a frieza e ceticismo de Christopher. 

A sede por justiça de Christopher será mais forte que a rendição ao mundo cheio de flores de Beckye? 


NOTA SOBRE O LIVRO:

O ambiente da história é bem cativante. Para quem gosta de histórias desvinculadas do "Universo do CEO poderoso", então você encontrou a história certa, pois, Christopher Adams é um agente policial especializado em investigações e Rebecca é uma garota decidida a livrar as pessoas do vício das drogas. Ele, um rapaz de 25 anos enquanto ela, uma garota prestes a completar 17 anos. Em ambos vamos encontrar a oscilação entre a maturidade e a infantilidade, pois haverá momentos em que tanto um quanto o outro terão pensamentos ou atitudes que te farão ter essa visão, no entanto, de um modo geral, creio que este seja o equilíbrio dos dois personagens.

Duas coisas que me agradaram de cara neste livro:
1) O livro é narrado do ponto de vista do narrador, então, você consegue ter uma visão simultânea do pensamento e dos sentimentos de cada personagem, sem ter que ficar lendo e relendo a mesma coisa de pontos de vista diferentes;
2) O vocabulário empregado no livro é bem maduro e rico. Isso tem feito uma grande diferença nos meus momentos de leitura. 

Os caminhos de Rebecca e Christopher acabam se cruzando em um dado momento, mas Chris sabe quem ela é enquanto ela não tem a menor ideia que ele seja um agente da polícia. O que Rebecca também não sabe é que esta personalidade enegrecida de Chris está relacionada com alguém do seu convívio e mais, ela pensa que está ajudando Chris a se livrar de alguma droga, quando na verdade, ela está ajudando-o a se livrar de suas perturbações pessoais. Quem sabe até descobrir a verdade sobre a morte de outras duas pessoas.

Por mais que Chris saiba que a relação com Rebecca seja errada, ele não consegue se desvincular de sua presença e de sua perseverança. Ela é uma garota insistente, mas também descobre-se apaixonada por ele. Algo que pesa muito nesta relação, principalmente para Chris, é a diferença de idade entre eles. No cenário onde a história se passa, um homem se envolver com uma garota menor de idade é contra a lei.

Como diz a sinopse, Chris é atormentado pela morte por afogamento da mãe e pela morte de Cristine, sua irmã. Ele associa as duas mortes a uma mesma pessoa que fez parte do seu passado e que agora está ligado diretamente à Rebecca. Até que ponto essa terceira pessoa está realmente envolvida nestas duas mortes. Estaria Chris se enganando ou o caminho é esse mesmo?

A história não gira apenas em volta do universo Chris e Rebecca. Temos outros personagens inseridos na história que acabam fazendo parte do cenário. O livro é bem longo. No modo impresso, que é o que eu tenho, são 541 páginas. No Ebook eu ainda não sei dizer se houve alguma edição da história, mas no meu ponto de vista achei que algumas cenas foram desnecessárias, tornando o livro um pouco cansativo até. Creio que esse formato mais longo aconteça porque a história surgiu de uma fanfic e, para quem tem o costume de ler o gênero, está habituado com histórias mais longas, mais detalhadas e esmiuçadas.

O livro tem suspense, investigação, drama, cenas sensuais na medida certa. Os personagens parecem bem reais, afinal de contas, não são personagens perfeitos, ricos, que vivem num universo fantástico e com traumas bobos. São pessoas normais, com problemas corriqueiros, defeitos e virtudes, pessoas que sofrem e que se alegram. O Chris é um homem comum, mas daqueles que a gente se encanta e deseja ter ao lado.

Para que não fiquem dúvidas, o livro impresso é volume único, não tem continuação, não faz parte de nenhuma série, trilogia ou duologia. O livro no formato físico não está mais a venda, pois a tiragem esgotou e não foi renovado. Talvez a autora ainda tenha algum para vender, mas sinceramente não sei responder, até porque, o livro foi recentemente relançado no modo ebook e está a venda na Amazon.

Já no modo ebook, o livro foi dividido em duas partes, mas muito provavelmente porque a diagramação exigida pela Amazon não comporta a quantidade de páginas da história, então, apenas por este motivo você encontrará a história em duas partes.

OBS: A capa que utilizei na apresentação é a capa do livro no modo impresso! No ebook as capas são diferentes mesmo!


ONDE COMPRAR O LIVRO:

Na Amazon, PARTE 01 - clique aqui!
Na Amazon, PARTE 02 - clique aqui!

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA PUBLICAÇÃO!