20 de abril de 2015

FILME - VELOZES E FURIOSOS 7

Era pra ser mais um filme de aventura forçada, adrenalina e diversão, mas acabou sendo um momento de saudade...

Na primeira cena em que Brian O'Conner (Paul Walker) aparece meu controle emocional simplesmente desabou e eu não consegui segurar as lágrimas. Parece um pouco de exagero, mas para quem convive comigo e sabe que sou movida pelo lado emocional não vai estranhar esta afirmação.

Confesso que já gostei mais dos filmes da franquia e dentre os preferidos estão realmente os primeiros, onde as cenas não eram tão "forçadamente absurdas", mas por outro lado, quem se importa, não é mesmo?

A nossa realidade é tão absurda quanto e temos que conviver com ela diariamente, então, por que não nos divertirmos com um pouco de ficção!?

Ouso dizer que este filme foi o mais aguardado do ano, afinal, desde o infeliz e trágico acidente que levou Paul Walker para outro plano, não tínhamos sequer ideia do que seria feito com seu personagem. No meu entendimento, ele simplesmente vai seguir com a Mia e os filhos, já que neste volume 7 Mia está grávida novamente. A cena de despedida foi o estopim para minhas emoções. Não consegui segurar as lágrimas e acho que fui a única que saiu do cinema chorando. Quer saber? Nem ligo, afinal, esta pessoa que causou estas emoções em mim é um ser humano como qualquer um de nós e que, não só encantou com suas interpretações no cinema como também como inspiração de personagens de alguns livros.

Assista ao trailler, já que o filme foi lançado aqui no Brasil no dia 02/04/2015.



No filme 6 tivemos o falecimento da Gisele Harabo e ao final o falecimento do Han Lue, porém, a aparição de Ian Shaw. Neste filme 7 ele vem como uma máquina destruidora e o cara, simplesmente está em todas. 

Esse Ian vem para "vingar" o irmão Owen Shaw, que foi a pedra no sapato da equipe durante o filme 6. Kurt Russell e Ronda Rousey também fazem uma participação durante o filme, assim como Lucas Black, que foi o personagem principal do filme Velozes e Furiosos 3 - Aquele que se passou todo em Tókio. Quem tem pouca participação durante o filme 7  é a Rosana, parceira do agente Hoobs e o próprio agente. 

E para fechar a homenagem ao Brian/Paul, quem surge nas cenas finais é seu irmão, Cody Walker, que é muito parecido mesmo com Paul. A cena da homenagem é muito bonita e sinceramente, ali eu desabei!

Para quem gosta de adrenalina em alta dosagem e quiser matar a saudade do querido Paul Walker, acho que vale a pena assistir também!!


0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA PUBLICAÇÃO!