29 de dezembro de 2014

SÉRIE NEW YORK - PROIBIDA PARA MIM - #01 - ELIZABETH BEZERRA

SÉRIE NEW YORK - PROIBIDA PARA MIM - LIVRO 01 - ELIZABETH BEZERRA

Quando Neil Durant socorre Jennifer Connor durante um assalto em uma noite fria ele não sabe que sua vida mudará para sempre. Descobrir que a jovem é cega é uma surpresa para ele. Neil está preso em um casamento de conveniência e sabe que Jennifer é totalmente proibida para ele. O correto é afastá-la de seu mundo sujo, mas o destino insiste em aproximá-los cada vez mais. Passado e futuro se entrelaçam de forma surpreende e os dois se veem mergulhados em uma paixão nada menos do que irresistível. O amor que sentem poderá curar as feridas de seus corações ou o passado os aniquilará para sempre?

NOTA SOBRE O LIVRO: Conheci os primeiros capítulos desta história ainda este ano e pouco tempo depois ele saiu em ebook, ganhando logo de cara os primeiros lugares de venda no site da Amazon, e agora já temos o primeiro livro no formato impresso. Há pouco mais de um mês atrás fiz uma postagem aqui no blog falando sobre a sequência dos livros para orientar as pessoas que ainda estavam em dúvida (assim como eu) sobre a ordem cronológica dos lançamentos. Fui cativada pela história apenas ao ler o primeiro capítulo quando ele ainda estava sendo postado lá no tempo do widebook e agora, tenho ele todo para mim, deixando minha biblioteca ainda mais bonita e valiosa. Fico muito feliz de saber que esta série está dentre as mais vendidas e mais recomendadas. Claro que sempre tem uns e outros por aí que gostam de falar mal, de denegrir as autoras e seus trabalhos e tudo o que eu posso dizer é que isso é simplesmente lamentável. Sou da seguinte opinião: Se este é um gênero literário do qual você não gosta, por que perder tempo lendo? Só para se aparecer falando mal? Cada um tem o direito de gostar do que quiser, mas ainda acho que RESPEITO cabe em qualquer lugar! Tento me colocar sempre no lugar do(a) autor(a) que passou dias e até meses criando uma história, revisando inúmeras vezes, se dedicando para simplesmente receber uma crítica com intuito de destruição. Se você gosta do gênero literário de romance com cenas eróticas, problemas a serem desvendados e que transtornam a vida dos personagens, então você vai gostar muito deste livro também. Comentários gerais à parte, agora quero apenas falar sobre a história, mas como sempre, tentando ao máximo evitar os spoilers para aqueles que ainda não leram esta história.

No primeiro livro da série, quem narra os fatos é Neil Durant. Ele é um poderoso empresário, mas enfrenta diversos problemas. Um dos problemas enfrentados está ligado a um projeto que foi roubado de sua empresa e vendido a uma empresa concorrente. Para isso ele conta com Peter, um amigo, investigador. Neil também conta com a amizade de Adam, advogado e de Calvin, motorista e segurança. Neil vive uma vida de aparências com a problemática Sophia em nome da felicidade da filha, Anne.

Jennifer também é uma garota que carrega um peso do passado, mas somado a este fato, ainda tem a questão da cegueira. Sim, Jennifer é uma garota de vinte e três anos e cega. Os pais estão mortos e ela vive com Paige, a única amiga.

Em um momento de sufoco, quem a salva é ninguém mais, ninguém menos que Neil Durant e este, fica completamente encantado pela garota. Ambos sabem que estão seguindo por um caminho errado, mas é impossível se manterem afastados quando há tanto sentimento em evidência. As cenas se amor entre eles são bem quentes. Apesar da deficiência visual, Jennifer não é nada ingênua e inocente, ao contrário, ela sabe bem quais são os prazeres da carne... e que carne, pois Neil é um homem lindo e atraente.

Uma coisa me chamou atenção logo de cara e independente do que possa existir por trás da história, é o fato da autora ter tido a coragem de colocar duas personagens com uma deficiência física cada uma. A primeira é a Jennifer e a segunda é a Anne, filha do Neil, que tem uma perna mecânica e, sendo esta segunda, uma criança de apenas sete anos. Estamos tão habituados no mundo literário a ver sempre “pessoas” perfeitas, lindas e apenas problemáticas, com traumas de passado e relacionamentos, que quando nos deparamos com esse universo, é impossível não nos sensibilizarmos. A deficiência da garotinha foi resultado de uma vida desregrada de uma mãe irresponsável e inconsequente. Uma mulher que só visava à beleza e as orgias regadas de bebidas e drogas. Isso deveria servir de alerta para tantas mulheres que acabam engravidando e seguem por este caminho. Um inocente acaba carregando este fardo por toda vida. Anne é uma garotinha alegre, inteligente e amada pelo pai, mas completamente negligenciada pela mãe. Gosto de todos esses simbolismos e recados por trás de algo que parece apenas mais um cenário.

A deficiência de Jennifer foi causada por um acidente que ela sofreu aos quinze anos de vida, então, de alguma forma, Neil tentará ajudá-la na reversão deste problema (e que não sabemos ainda se será possível ou não). Ambos têm usado da confiança e dos sentimentos para trocarem suas confidências dentro daquilo que eles julgam pertinentes. Durante o desenrolar da história você sente pela expressão de ambos que existe algo mais, mas é claro que isso só descobriremos ao desenrolar da trama. Os dois estão vivendo um momento de paz a aconchego dentro da bolha que os envolve, mas isso me faz ter até medo, pois todo bom romance depende de uma boa dose de desencontro e problemas para tornar o amor mais forte. Se tudo fosse tão simples perderia logo a graça e para infernizar a vida dos dois, surge a ardilosa Sophia, que é evidente que não tem nenhum sentimento pela filha (a quem usa para atingir Neil) e muito menos pelo CEO, no entanto, fica subentendido que por trás dela existem muitas respostas que serão fundamentais ao Neil. Além disso, algo no passado de Jennifer está relacionado com Sophia, que por alguns momentos deixou transparecer que conhece a moça, mas Neil não deu importância.

Neil tenta a todo custo proteger sua doce Jennifer e a própria Anne das loucuras de Sophia, que me faz o tempo todo pensar que ela está por trás de algo muito sério, muito mais grave e perigoso do que qualquer um possa deduzir. Será que o advogado e o investigador de Neil conseguirão desmascará-la? Quem mais pode estar por trás de tudo isso? Além disso, ainda há a revelação sobre o que aconteceu no dia do acidente em que Jennifer perdeu a visão e tudo o que envolvia pessoas muito próximas a ela e a Neil, o problema disso tudo é que Neil teme a reação de Jennifer ao descobrir algo que nem mesmo ele havia se dado conta...

Quer descobrir o que vai acontecer nessa história?

Então adquira agora mesmo os três primeiros ebooks desta série no site da Amazon e para quem ama ter os livros físicos, o primeiro livro da série já está a venda através do site da Editora Bezz.

Fan Page da Editora Bezz
https://www.facebook.com/livroseditorabezz?fref=ts

Grupo da Escritora Elizabeth Bezerra
https://www.facebook.com/groups/romanceselizabethbezerra/

Site da Editora Bezz (onde você poderá saber mais sobre este e outros lançamentos)
http://editorabezz.com/







2 comentários:

Elizabeth B disse...

Lindo Fernanda, obrigada!!!! <3

Anônimo disse...

Amo essa história, amo o Neil. Super indico!

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA PUBLICAÇÃO!