5 de outubro de 2015

TRILOGIA AMORES TRAÇADOS - SEMPRE FOI VOCÊ - #01 - ANA LEMOS


TRILOGIA AMORES TRAÇADOS - SEMPRE FOI VOCÊ - LIVRO 01 - ANA LEMOS


Quando a brasileira Lucy Somel passou a morar em Nova York ela tinha apenas uma meta: concluir a faculdade de Direito e trabalhar ao lado de sua grande amiga, Anna. O amor parece não caber em seu projeto de vida, considerando os poucos, breves e decepcionantes relacionamentos. No entanto, esta linda e inteligente mulher será surpreendida por uma forcinha do destino ao conhecer seu orientador para o trabalho de conclusão do curso. Marco Salvatore é uma lenda dos Tribunais, talento que lhe garantiu a fama de ser um dos melhores advogados da cidade, porém, relacionamentos amorosos também não estão em seus planos. O desejo entre os dois é imediato, mas será o suficiente para fazer Marco mudar de ideia e iniciar um relacionamento duradouro? Ou fazer Lucy acreditar que pode viver um grande amor?


NOTA SOBRE O LIVRO:

Conheci a Ana Lemos no primeiro dia da Bienal do Livro em São Paulo em 2014. Já estávamos todos cansados depois de um dia de muita andança pelos estandes das editoras, mas ela, muito simpática e carismática estava lá firme e forte. Agora, estou aqui com o livro em mãos e simplesmente apaixonada por ele. Trata-se de uma trilogia, mas cada livro contará sobre um personagem, então, não ficaremos sofrendo para saber o que vai acontecer com eles depois.

Aos 16 anos de idade Luciana (Lucy) conheceu Anna, uma garota norte americana que veio morar com os pais no Brasil. As duas se tornaram amigas inseparáveis e quando a família teve que retornar para os Estados Unidos, convidaram Lucy para ir com eles. Os pais de Lucy haviam se separado e a situação financeira de sua família não era das melhores. Desta forma Lucy pode seguir em viagem para um mundo onde pudesse estudar e se profissionalizar de forma promissora. Os anos foram passando e Lucy e Anna finalmente entraram para a faculdade, onde agora precisariam iniciar o estágio com um orientador. A família americana é composta Michael e Mary e os filhos Anna, Andrew e Sophia.

Quando Lucy chega para conhecer seu orientador, imagina que ele já seja um homem mais "velho", até mesmo por todas as informações e comentários que soube sobre ele. Diz a lenda que o homem é um monstro nos tribunais. (Um monstro no bom sentido, claro), mas ela se surpreende quando descobre que na verdade o homem é lindo. Bem mais jovem do que sua mente havia imaginado, olhos azuis e uma barba bem aparada. Claro que ela fica eletrizada com sua beleza. Por outro lado, o famoso Marco Salvatore também fica impressionado com a beleza e a atração que a jovem desperta nele. 

Lucy então será como uma sombra para Marco, pois ela deverá acompanhá-lo em todas as reuniões, todas as audiências e compromissos profissionais de forma que assim possa estar completamente habituada com os procedimentos jurídicos, para isso, Marco pede à sua secretária, Suzy, que passe para Lucy toda sua agenda de compromissos dos próximos 15 dias e mostre a ela a sala onde ficará instalada.

Afetado, Marco beija Lucy pela primeira vez, mas depois nada é conversado, então, fica o dito pelo não dito. Marco acaba se afastando por alguns dias da empresa justamente porque não consegue lidar com o que está sentindo. Lucy mexe demais com ele e ele tem consciência de que não deveriam se envolver. Para isso, ele alega uma viagem apenas para tentar colocar a cabeça no lugar, porém, um encontro inesperado em um local neutro faz com que seus planos de agir apenas profissionalmente vão por água abaixo. Quando as coisas começam a ficar quentes entre eles, Lucy recebe a noticia de que sua mãe biológica está internada do Brasil e por isso acaba voltando para seu país de origem repentinamente. Marco compreende esta necessidade, mas é surpreendido por um ex idiota que atende o celular de Lucy. Lucy sabe que não fez nada de errado, então volta para os Estados Unidos e retoma sua vida, seu estágio e com muito sacrifício ela decide mostra a Marco que as coisas não são como ele pensa.

A leitura flui de forma muito fácil e gostosa, pois não tem aquele dramalhão exagerado que mantém o casal separado. Passado os cinco minutos de desespero de Lucy porque Marco não lhe deu a chance de explicar, tomando suas próprias conclusões, Lucy ergue a cabeça e está decidida que ele terá sua lição. A Lucy não está sendo aquelas mocinhas ingênuas, choronas e cheias de insegurança. Ao contrário, ela está se mostrando forte e determinada. Claro que Marco mexe com todos os seus hormônios, mas ela não é boba e tem sua cota de maturidade.

O melhor amigo e sócio de Marco, o Robert acaba se apaixonando por Anna, a amiga e irmã de consideração de Lucy. Ambos acabam dando uma força na relação dos dois. O que eu mais gostei nesse livro é que não tem nenhuma pessoa que fica o tempo todo tentando separar o casal, ao contrário, o episódio que propicia o desentendimento deles no início é único e fica totalmente em segundo plano. Não é aquele tipo de problema que fica sempre rondando o casal e gerando conflitos os tempo todo. Muito bom mesmo e eu recomendo a leitura.


Adorei realmente esta história, sem contar que a Lucy e o Marco são perfeitos juntos. Eles não foram aquele casal meloso e cheio de nove horas. São divertidos e engraçados juntos além de serem muito excitantes. Na medida certa!

A capa de abertura é da segunda edição, publicada sob o selo da EDITORA PANDORGA. Esta imagem ao lado é a capa da primeira edição. Em breve teremos o lançamento do segundo livro da trilogia e eu estou super ansiosa para conhecer estes outros personagens.


ONDE COMPRAR O LIVRO:

Saraiva - capa da segunda edição
Americanas - capa da primeira edição
Direto com autora e solicite autógrafo... adooooooooro livros com autógrafo do autor...

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA PUBLICAÇÃO!